A tradicional Feira do Artesanato de Carmo do Rio Claro acontecerá entre os dias 13 a 17 de julho. Este ano, o evento será novamente na sede social do Grêmio Esportivo Carmelitano (GEC). No ano passado, devido a pandemia, a feira foi totalmente online.

A feira é promovida pela Associação dos Artesãos, conta anualmente com o apoio da prefeitura e reúne artesãos de diversos lugares de Minas Gerais e de outros estados.

HISTÓRIA DA FEIRA DO ARTESANATO

Tudo começou no ano de 1968 quando nasceu a ideia de se criar a Feira de Trabalhos e Artesanato com o objetivo de incentivar e divulgar o artesanato local.

Nesse ano, em julho, aconteceu a “I Feira de Trabalhos” e a preocupação maior foi mostrar os trabalhos mais bonitos, mais ricos, as maiores habilidades manuais.

Por essa época quase não se teciam as hoje famosas “toalhas de lavabo”, as que apareciam eram tecidas em fio de algodão que era preparado pelas próprias fiandeiras.

A comercialização maior, na época, eram os doces em compota, cristalizados, picles, mantas e cortes da pura lã de carneiro, bordados em linho, enxovais para recém-nascidos…

Em 1971, realizou-se a “II Feira de Trabalhos”, a partir daí a Feira começou a ser realizada anualmente, em julho, e a renda em benefício da educação, aquisição de livros para os alunos.

Incentivou-se, assim, o trabalho em equipe, a cooperação, o aumento da renda familiar, projeção de “artistas”, artesãos que chegaram a representar Carmo do Rio Claro, em São Paulo, no SESC, em 1976, na “I Feira da Cultura Popular Brasileira”.

E o Carmo que já era conhecido como a “cidade dos doces”, passou a ser conhecido também pelos trabalhos em tecelagem…

A Casa do Artesão foi inaugurada em 05 de novembro de 1993, como parte dos festejos em comemoração ao aniversário da Cidade.

Shark News by Shark Themes